A Regional Norte da UGT-PARANÁ realizou no último dia 14/4,  o congresso regional da entidade em Londrina. O evento reuniu mais de 10 sindicatos da região norte de várias categorias filiados à central no estado, e a abertura contou com a presença do presidente da UGT-PARANÁ, Manassés Oliveira; do 2º vice-presidente da UGT-PARANÁ, Fábio Molin; do presidente da UGT Norte, Leonildo Guergolet; do secretário de Economia Solidária da UGT-PARANÁ, Paulo Rossi e de diversas lideranças comunitárias.
Abrindo a programação, o secretário de Economia Solidária da UGT-PARANÁ, Paulo Rossi, proferiu a palestra “Reforma Sindical”,  onde abordou os principais pontos que hoje estão em discussão, para construção e fortalecimento sindical, liderado pelas três principais centrais sindicais, dentre as quais a UGT.
A segunda palestra do evento “Atuação do movimento sindical no governo Lula”, ministrada pelo presidente da UGT-PARANÁ, Manassés Oliveira, trouxe o cenário nacional, hoje mais propício e aberto para a discussão e importância do sindicato na vida do trabalhador e na construção de um país mais democrático e igualitário.
Na oportunidade também foi realizada a eleição da próxima gestão da UGT Regional Norte do Paraná , para o quadriênio de 2023/2027, sendo reeleito o atual presidente, professor Leonildo Guergolet.
Com a chapa intitulada “Marcelo Urbaneja, presente”, a nova diretoria foi escolhida por unanimidade. Leonildo fez o uso da palavra, agradecendo os ali presentes e ressaltando a importância do fortalecimento dos sindicatos “Temos muitos sindicatos com pouca estrutura e que precisam muito da assistência das entidades de grau maior e queremos nesses próximos anos visitar toda a região norte do Paraná, para fortalecer esses sindicatos e em consequência fortalecer a nossa central sindical e todo o sistema confederativo”, disse Leonildo.
*Fonte: Assessoria de Imprensa/FEACONSPAR
 
Fotos:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × quatro =