A União Geral dos Trabalhadores no Estado do Paraná – UGT-PARANÁ, REPUDIA veemente o assassinato do guarda municipal, sindicalista e tesoureiro do PT – Partido dos Trabalhadores de Foz do Iguaçu-PR, Marcelo Arruda.
Marcelo, que comemorava seus 50 anos, foi brutalmente assassinado por Jorge Guaranho, que nas redes sociais se denominava “bolsonarista”. Esse assassino, covardemente invadiu uma festa privada, tirando a vida de um trabalhador por motivo torpe e de ódio político.
A UGT-PARANÁ, defende a democracia, os direitos civis e condena toda e qualquer forma de violência contra as pessoas.
Manifestamos ainda nossa solidariedade e condolências aos familiares do Marcelo, mais uma vítima da ignorância a qual estamos passando nos últimos anos, e que rogamos a Deus que logo se encerre.
Que o amor vença e prevaleça em todos os nossos dias.

DIREÇÃO ESTADUAL DA UGT-PARANÁ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 1 =