CONSELHO ESTADUAL DO TRABALHO DO PARANÁ LANÇA CARTILHA SOBRE O PISO REGIONAL DO ESTADO.
Data: 02-06-2022 | Publicado por: UGT - Paraná

 

Abrir

O conselho estadual do trabalho do Paraná formado pela UGT, pelas demais centrais sindicais, pelo Dieese, por representantes do governo e do patronal, teve por iniciativa o lançamento da cartilha sobre o piso regional do estado. A Secretaria Estadual da Justiça,  Família e Trabalho do Paraná vai lançar a cartilha que contará a importante luta pela criação do piso regional do Paraná e como foi sua evolução. A UGT Paraná é representada hoje no conselho pelo presidente do Sindelpar, Paulo Sérgio dos Santos (membro titular), e pelo presidente do Secoomed, Rogério Kormann (suplente).

O estado do Paraná possui hoje o maior piso salarial do Brasil, com valores que vão de R$ 1.617 até R$ 1.870 dependendo da classificação estabelecida para a função. A UGT Paraná em conjunto com as demais centrais sindicais estiveram a frente dessa conquista, pela valorização salarial. O piso salarial  do Paraná foi criado em 2006, quando foi  encaminhado  para o Legislativo uma proposta  que foi aprovada  através da  Lei nº 15.118 de 12 de maio daquele ano. Desde a sua criação, o piso trouxe benefícios a toda a sociedade paranaense ajudando a movimentar a economia e também servindo como referência para categorias que ainda não possuem acordo ou convenção coletiva de trabalho.

O Paraná conta com um modelo de negociação para a definição do piso,  tripartite entre as Centrais Sindicais e Federações Patronais,  com a participação do Governo do Estado e acompanhamento do Ministério Público do Trabalho e da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego – MTE.