8║ Encontro de Mulheres da Fesmepar re˙ne representantes de mais de 30 sindicatos.
Data: 10-05-2022 | Publicado por: UGT - Paraná

Abrir

 

Após dois anos sem a realização devido às restrições provocadas pela COVID-19, o evento foi realizado em Campo Mourão e contou com a presença de mais de 70 mulheres sindicalistas do Paraná.

 A Fesmepar realizou nos dias 5 e 6 de maio o “8º Encontro de Mulheres”, que contou com a participação de mulheres líderes sindicais de sindicatos de servidores públicos municipais e de professores de mais de 30 municípios de todo o Paraná.

 Realizado no hotel O Recanto, em Campo Mourão, o Encontro foi norteado sob o tema “O Poder da Superação”, abordando a luta das mulheres e buscando a valorização e empoderamento feminino, com as palestras; “Ferramentas para uma mente e um coração feliz”, “Beleza/Estética/Sensualidade” e “Ansiedade: Técnicas de superação” além de trabalhos em grupo e atividade física.

Ao dar as boas vindas, o presidente da Fesmepar, Luiz Carlos Silva de Oliveira, saudou todos os presentes e falou sobre as grandes conquistas das mulheres, sobretudo, das mulheres brasileiras, que lutam todos os dias em busca de representatividade. “Precisamos mudar o cenário de representação feminina, é preciso que tenha mais mulheres a frente participando e atuando na vida social, lutando contra o feminicídio e tantas outras violências sofridas pelas mulheres”.

 Luiz Carlos ainda agradeceu aos sindicatos e a todas as mulheres presidentes dos sindicatos de servidores que não conseguiram estar presentes devido as tarefas e compromissos agendados anteriormente.

 Em uma reflexão sobre o atual momento em que o país vive, o presidente da Fesmepar relembrou das dificuldades enfrentadas durante a pandemia, reforçando que o mundo ainda enfrenta casos graves de COVID-19. “Lamentamos as perdas que tivemos durante esses mais de dois anos de pandemia, as perdas de nossos familiares, amigos e companheiros sindicalistas que se foram por causa da pandemia. É preciso manter os cuidados para vencermos essa batalha contra o vírus”.

A diretora de finanças da Fesmepar, Sonia Maria Marchi que é idealizadora do Encontro de Mulheres da Fesmepar, cumprimentou todas as mulheres presentes, frisando que o evento só tem sentido se tiver a participação de todas, que sempre trazem novas experiências para compartilhar.

 “A Fesmepar realiza o Encontro de Mulheres pensando nas mulheres sindicalistas, e isso só tem sentido se as mulheres estiverem presentes. O evento foi preparado com muito carinho, pensando realmente na melhor maneira de recebe-las, com temas que deixem todas mais animadas e de bem consigo. Motivando a todas para que consigamos superar os obstáculos com mais animo e fortalecidas”, disse.

A secretária da mulher da Fesmepar, Marta dos Santos, agradeceu a presença de todas as mulheres e ressaltou a importância da participação da mulher na sociedade, não somente na luta sindical, mas em todos os espaços de liderança, citando dados atuais da representatividade das mulheres no Brasil.

 Marta destacou que as mulheres são guerreiras, fortes, competentes, dedicadas e capazes e fez uma reflexão sobre os baixos índices de participação das mulheres na liderança política ser de apenas 38% e mais de 50% da população brasileira é formada pelas mulheres.

 “Alguma coisa não bate, sem falar que na liderança política as mulheres ocupam apenas 16% dos cargos eletivos. Será que a culpa é dos partidos políticos ou das próprias mulheres que não votam em mulheres? Precisamos trazer para a reflexão esse assunto, as mulheres são capazes e são preparadas. Os índices mostram que as mulheres possuem um nível de escolaridade maior que dos homens no Brasil, no entanto, ocupamos menos cargos. Nós mulheres precisamos superar muitos desafios. Se nós não nos colocarmos para avançar a ocupar os espaços quem continuará ocupando serão os homens, esses espaços precisam ser equilibrados. Se as mulheres são a maioria, por que não estamos no mesmo nível?”

 E reforçou, (…) “o meu objetivo hoje e chamar a atenção para que nós mulheres nos coloquemos a frente, que a gente lute para ocupar as lideranças, pois somos capazes e que também apoiemos as nossas companheiras nas lideranças

Representando todas as mulheres sindicalistas presentes, a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Capitão Leônidas Marques Terezinha de Oliveira, falou da importância do reencontro de todas e da troca de conhecimentos. “É um prazer nos reencontrarmos, estávamos todos ansiosos para voltar a nos encontrar e trocar experiências. Hoje, após muita luta, podemos falar da força da mulher e que embora tardiamente, estamos conquistando nossos direitos, cargos em grandes empresas, lideranças sociais e caros eletivos, é assim que iremos mostrar que a mulher ocupa um importante lugar na sociedade. Busque a valorização, você pode, você é guerreira, vamos todas à luta e procurar da melhor forma possível estarmos unidas nos ajudando. Vamos nos valorizar e buscar os nossos direitos”.

 E reforçou, “Precisamos estar juntas, não é possível que na época em que vivemos, com toda a tecnologia e modernidade, ainda temos mulheres que são massacradas dentro dos seus lares, muitas vezes pelo próprio companheiro. Se você está passando por isso ou sabe de alguém que esteja nessa situação, faça seu dever de cidadã e denuncie, não fique calada, não passe por isso calada. Nós estamos todas aqui para uma ajudar a outra, somos todas companheiras”.

Anfitriã da Região Centro Oeste do Paraná a diretora do sindicato de servidores de Mamborê – SISMMAM Eronice Alvino de Souza Barranco, agradeceu pelo convide de representar a Regional e frisou “Me sinto muito honrada em poder representar o SISMMAN neste evento que é tão importante para a valorização e reintegração das mulheres A pandemia nos deixou isolados, e agora poder nos reencontrarmos presencialmente é sem dúvida uma felicidade.

PALESTRAS

 Neste 8º Encontro de Mulheres da Fesmepar, fomos inspirados nas lutas do dia a dia da mulher moderna, que se reinventa a cada dia, enfrenta obstáculos, mas, que nunca desiste. O tema central “O Poder da Superação” nos apresentará caminhos de autoconhecimento e valorização da mulher.

 Ministrada pela palestrante Ana Lúcia Kleinhans que possui formação pela Unoeste SP, Unipar – Cascavel, Facis SP e PUC Curitiba, além de  formação em Estudos Sociais; História; Estetica e Cosmetologia; Terapias Integrativas como; Reiki e Auriculoterapia, a palestra “BELEZA, ESTÉTICA E SENSUALIDADE“ , abordou a autoestima feminina e como uma mulher de bem consigo mesma pode alcançar seus objetivos e se posicionar na sociedade.

 “ANSIEDADE, TÉCNICAS DE SUPERAÇÃO” ministrada pela psicóloga Eliane Stefanello, que também possui especialização em saúde pública, falou sobre o tema bastante atual, que é a ansiedade, apresentando técnicas para serem trabalhadas no dia a dia.

 As atividades físicas ficaram por conta da palestrante Celoi Maria Righi Perin que é Formada de em Educação Física pela UEPG, pós-graduada pela UNIOESTE em Educação Física Escolar e possui mais de 31 anos de experiência na área e na docência

 “FERRAMENTAS PARA UMA MENTE E UM CORAÇÃO FELIZ”, foi ministrada pela professora e psicopedagoga Cleudes Pavan, abordou diversas situações que podem diminuir a produtividade e atrapalhar nas relações de trabalho e pessoais, mostrando técnicas, estratégias e ferramentas para ajudar a enfrentar traumas e pensamentos negativos.

 Auxiliaram na organização e realização do evento o vice-presidente da Fesmepar e presidente do SINSEMAR (Marechal Cândido Rondon) Fernando Aloísio Hubner; o secretário geral e presidente do SISMUDI (Diamante D’Oeste) Marcos Aurélio Mocellin; O diretor adjunto de finanças e presidente do SISMUCAF (Cafelândia) Leonel Clovis Lupatini; o secretário de organização e política sindical e presidente do SISMMAM (Mamborê)  Edilson de Lima Glovienka e o diretor da Fesmepar e presidente do SINDASSIS (Assis Chateaubriand) Maurício Daciulis além do assessor jurídico da Fesmepar Aquile Anderle.

 

Fonte e Foto: Fesmepar